domingo, agosto 24, 2014

Coração azul



Quando fiz o post Azul de março, entre várias fotos coloquei também a de uma casinha, das primeiras erguidas aqui em Xangri-Lá, quando a maneira de construir na praia era fazer charmosos chalés de madeira. Infelizmente, a maioria deles foi derrubada para dar lugar  à novas, maiores e "modernas" Algumas poucas ainda resistem, e uma delas é a que fotografei numa das minhas caminhadas.


Quando fiz a foto, o tom de azul bem vivo das suas paredes e o capricho com a casa e o jardim me chamaram a atenção. Nem imaginava quem passava os verões lá. Pois bem, pouco depois vi uma foto da mesma casinha, postada desta vez pela Anna, sua proprietária - que, por coincidência, era contato meu no facebook. Depois de algum tempo, soube que a casa foi construída em 1956! E ela resiste somente pelo amor que a Anna tem por ela, porque corretores tentando comprar o terreno para demolir a  casinha e fazer um conjunto com microapartamentos não faltam. A quarta geração da família já aproveita os verões na casinha azul.


E o que esta historinha tem a ver com meus corações? Pois a Anna fez uma encomenda para seus netos,e quando fui lá entregar, na sexta feira, levei junto os tradicionais corações da Casa al mare. Cheirosos, com cordãozinho para serem pendurados nos cabides ou nas gavetas,  fiz de presente para combinar com a Casa Azul . Exatamente da cor, para a casinha que  tem coração!


domingo, agosto 17, 2014

Pequenos ursinhos


Dois ursinhos para dois bebês que vão nascer nas próximas semanas foi o trabalho rapidinho que fiz esta semana. Interrompendo um trabalho grande e demorado que estou fazendo, recebi com alegria o pedido de uma vovó para dois netinhos que estão chegando. Peças rápidas para fazer, os ursinhos ganharam "roupa de viagem" combinando.



O xadrezinho azul marinho com branco ganhou um laço de fita amarela, pra combinar com o quarto que está sendo decorado nestas cores. Uma combinação viva e alegre! E o saquinho amarelo onde ele foi embalado, tem uma aplicação repetindo os detalhes do ursinho.


O outro é bege com branco, delicadinho e suave. Ursinho feito com   tecido bege com minibolinhas brancas e laço de fita de cetim branca.  No saquinho feito com xadrez miúdo com as mesmas cores, o lacinho é de fitinha mimosa e tem uma pérola no centro, como arremate.



 Pequenos, os ursinhos tem  cerca de 20cm de altura. Os bebês podem  como naninha ou as mamães podem apenas colocar como decoração da cama ou da parede do quarto infantil. Estou fazendo outros também, reunindo vários deles, todos de mãozinhas dadas. Em breve eles vão aparecer por aqui.


segunda-feira, agosto 11, 2014

Passarinhos coloridos


A quatro anos atrás eu recebi uma encomenda para um pequeno enxoval de uma menininha que nasceria em São Paulo. Mas nada de cor de rosa ou qualquer outro tom pastel. Tudo deveria ser em vermelho e branco! Eu, que acho muito legal fazer peças para criancinhas, adorei a ideia de pôr muita cor no quarto da guriazinha. A criança  recebeu o nome de Heloísa e, como convém a uma história infantil, cresce linda e feliz. E, diferente da maioria das meninas, não tem no cor de rosa a sua cor preferida, mas no verde.


Então, após o pedido para uma bolsinha para a menina, onde ela pudesse carregar seu tablet e outros tesouros importantes para  crianças desta idade, enviei fotos de combinações usando verde. A escolha   foi deste lindo tecido com passarinhos muito coloridos. Importado,  ele recém tinha chegado lá do outro lado do mundo e eu ainda não havia feito nenhuma peça com ele.


Para combinar usei outro tecido importado (este dos Estados Unidos) que tem exatamente as mesmas cores usadas no tecido principal. Com ele fiz a parte de baixo da bolsa, as alças e  a alça de fechamento. Por dentro o tecido é branco com bolinhas verdes. Junto com a etiqueta da Casa al mare eu coloquei um botãozinho verde em forma de passarinho. Tudo bem combinadinho!


Para combinar, fiz uma carteirinha multiuso para mandar de presente.  Fechada com o mesmo botão de pressão cor de laranja que  tem na alça de fechamento.


A encomenda chegou hoje ao seu destino, em São Paulo. Agora é esperar pra ver o que a lindinha achou da nova aquisição feita para ela.



domingo, julho 27, 2014

Pink bear




Há muitos muitos anos eu faço estes ursinhos. O primeiro foi  através de um molde de uma revista que se chamava Faça e Venda. Copiei o molde e adaptei para três tamanhos. Bebês, criancinhas maiores, adolescentes e adultos já receberam os ursinhos para enfeite do quarto, para brinquedo, para usar como travesseirinho numa sonequinha. Este, entretanto, terá um uso muito especial e que não imaginei, quando comecei a fazê-los: ele vai entrar na igreja, dos braços da daminha, como convidado especial para o casamento da Natália.


Como ela pediu um ursinho pink, sem qualquer tipo de estampa, só escapam desta cor o focinho marrom e os olhos azuis. Até mesmo a fita ao redor do pescoço do bichinho é exatamente da cor da sua "pele". Ele foi dentro de um saco branco, com costura aparente e  coração pink aplicado,  fechado por um laço de cordão pink.


Mandei junto um coraçãozinho perfumado, todo branquinho, com um cordãozinho de seda arrematado por pérola.


E como estava "com a mão na massa", fiz outros corações com vários tipos de estampa rosa, para outro projeto que mostro mais adiante. Mas os corações já estão aqui.


domingo, julho 13, 2014

Mais cor!


E chegou o dia das cores! Como prometi no post anterior, aqui estão os dois babyquilts que fiz para a Giovana e para a Eduarda, primeiras netas da minha irmã. De um lado eles são feitos com xadrezinho e bolinhas em branco e bege. De outro, listras e quadradinhos.


Escolhi várias estampas em bege a branco, e duas delas usei para as almofadinhas com nome e um dos lados do babyquilt. Além de xadrezinho e poá, tem floral, folhas e desenhos abstratos. 


Para o outro lado, onde coloquei a etiqueta Casa al mare, escolhi vários tecidos cor de vinho e vermelho bem escuro. E como as menininhas são cariocas, onde não faz o frio daqui do Sul, a fibra interna é fininha.


Para dar unidade, as duas mantinhas foram feitas com os mesmos tecidos, mas com composições diferentes: uma de faixas e outra de quadradinhos. O outro lado também está invertido, com uma parte maior de xadrezinho numa delas e a outra com o poá ocupando uma área maior.


Diferente das outras vezes, nestas peças não fiz um viés ao redor. A parte bege foi cortada em tamanho maior, e rebati por cima da parte colorida pra fazer o acabamento com pontinhos invisíveis. O quilt, feito à mão, segue as linhas horizontais das faixas. E no de quadradinhos, segue na vertical. Depois, pespontos também ao redor de toda a manta.



domingo, julho 06, 2014

Bebês chegando


Entre hoje e amanhã nascem duas carioquinhas que vão se chamar Giovana e Eduarda. Depois de 32 anos (e mais um ou dois dias) de terem nascido as minhas filhas gêmeas, minha sobrinha Juliana é que terá a maravilhosa experiência de ter dois bebês de uma vez só. Netas da minha irmã Carmen, as menininhas terão o quarto branco e bege. Uma base neutra passa calma e elegância, mas também permite destacar qualquer cor que se alie à decoração. Por isso, quando a nova vovó passou o pedido  destas almofadas com nome, disse que poderiam ser lisas ou estampadas, desde que fossem em branco e bege. A nova mamãe escolheu o modelo  desta, que eu havia feito no começo do ano. A própria vovó e vovô ganharam  almofadas que dei de presente de Natal.


 E como fiz com todos os primeiros netos das minhas irmãs, costurei um babyquilt para cada bebê. O primeiro foi há quase dez anos atrás, para a Isabela (que não fotografei). Tinha ursinhos, mas também cores fortes. Muitos anos passaram até nascer o primeiro neto da minha segunda irmã: foi somente neste ano que o Benjamin chegou. Para ele, fiz este babyquilt aqui.


Agora, para a Eduarda e para a Giovana, fiz meu presente combinando com as almofadinhas com nome que ela encomendou. Xadrez e bolinhas em bege e branco. Mas, como gosto de fazer os quilts com dois lados trabalhados, a surpresa está no outro lado, o que seria o forro. Claro, não tem nada que pareça com forro. Uma atração à parte, para serem mostrados em post especial.



domingo, junho 01, 2014

Arcobaleno


Lá fora o tempo está instável, escuro, chuva, anunciando o inverno que chega neste mês. Aqui dentro já apareceu o arco-íris, costurado tira a tira de tecido na colcha cheia de cor.


Durante muito tempo eu via os quilts feitos com esta técnica e pensava em fazer algum do tipo. "Colecionei" alguns no meu pinterest, sempre encantada com  a suave passagem das cores, do roxo numa ponta ao azul na outra, desenhando todas as cores do arco-íris entre as duas.




Algum tempo atrás cheguei a comprar os tecidos, mas acabei usando vários deles em outros projetos, e este, da colcha arcobaleno (arco-íris em italiano) foi ficando... Mas um dia precisaria sair, né?


 Então, ei-la aqui! Na frente, o arco-íris com fundo branco. Atrás, as cores estão sobre o preto. E a borda é um apanhado dos tecidos usados, fazendo um viés multicor.


Com o céu azul do dia das fotos, o contraste fica bem bacana. Aí está meu arcobaleno, prontinho pra aquecer no frio do inverno.