terça-feira, fevereiro 27, 2007

Onde está meu nome?





Sempre divertidas e úteis, as almofadinhas com nome são, também, um trabalho agradável de ser feito. E a cada encomenda ou presente, eu procuro uma nova maneira de fazer o mesmo, sem repetir modelos anteriores na combinação de tecidos, cores, materiais.


Elas se repetem - tecido cem por cento algodão, interior em fibra siliconada, capa destacável para ser lavada - mas mudam, porque vai impresso, bordado ou colado o nome de quem vai recebê-la.
Um presente que agrada meninos e meninas de
qualquer idade, desde o bebê até o vovô - e isto não é só força de expressão. Há alguns meses fiz almofadinhas pra minha irmã e seu marido, escrito "nona" e "nono", um presente pra marcar a data em que souberam que seriam avós, e depois outra com nome na neta Isabela.

Os nomes podem ser bordados em ponto cruz, recortados em tecido ou escritos com tinta puff. E os usos, diversos, como enfeitar a cama arrumadinha, marcar a poltrona preferida, apoiar a cabeça,travesseirinho de viagem, e dormir abraçada - principalmente quando ela exala um perfume suave de lavanda...






2 comentários:

Rê Artes em Fuxico disse...

encontrei seu blog, xeretando pela
net, confesso q fiquei hora encantanda... com tudo
Sou apaixonada por patch,
quem sabe 01 dia me atrevo a aprender...
Sucesso, bjs

Beti Copetti disse...

Obrigada, Rê! Vou lá te visitar também!