segunda-feira, junho 03, 2013

Corações naturais - 3/12


Hoje trago só corações da natureza, tão lindos e às vezes tão inesperados. O primeiro é o miolo de uma gérbera que fotgrafei há muito tempo em um consultório médico. E o segundo, pra fazer o contraponto, é de pedra, e estava em uma floreira em frente a uma loja, aqui perto de casa.


E quem nunca viu um coração nas nuvens? Já fotografei muitos, e estes, sobrepostos, foram os últimos clicados num dia lá no fim do verão. 


Esta trepadeira eu já havia mostrado aqui, e as folhas, subindo pela árvore, tem a forma perfeita de coração.


E o que dizer deste? Não é exatamente da natureza, por ser um pedaço de concreto. Mas o broken heart ficou assim depois de ter sido exposto ao tempo e ao movimento de veículos pesados. Não poderia ficar de fora desta seleção!


Esta belezinha aqui vocês também conhecem. Nossa rottweiler Preta tem uma mancha  escura em forma de coração embaixo do focinho!


 Este também não é natural, foi feito pela minha mão numa das idas até a beira da praia, mas achei que cabia neste item dos corações naturais. É um caso parecido com o das nuvens: quem nunca fez um coraçãozinho na areia? Totalmente Casa al mare!

Sim, amanhã tem mais! Vai voltar?