quarta-feira, setembro 07, 2016

Estrelas para a Stella


Acho que vocês já sabem: há pouco mais de três semanas me tornei uma feliz vovó. A Stella nasceu no dia 15 de agosto, um pouco antes do previsto, e nos últimos dias estive em Porto Alegre acompanhando os primeiros dias da neta e da minha filha Rita como mamãe. É um encantamento!


Como o nome da menina significa estrela, em italiano, fiz um móbile  que, a partir desta quarta semana, ela começa e distinguir e acompanhar com os olhos. Bem colorido - como o babyquilt que mais adiante vou mostrar aqui - o móbile tem várias estrelas caindo de uma nuvem branquinha. Tudo de feltro (material que usei poucas vezes nos meus trabalhos).


No dia em que voltei pra casa, pendurei o móbile no puxador de um armário alto, que fica acima do trocador de fralda, para fotografá-lo. E por aí ele ficou, pelo menos por enquanto. Ali, a guriazinha vai poder vê-lo em movimento e, mais adiante, tocar as estrelinhas com as mãos.


Quando estava fazendo a nuvem de feltro branco recheado de plumante, lembrei das brincadeiras de ver formas nas nuvens do céu. E optei por não fazer uma nuvenzinha perfeita de desenho. Assim, às vezes vejo um cachorrinho, às vezes um patinho...


Inicialmente, a ideia era fazer cordões em vários tamanhos, mas achei mais legal  prender uma estrela em cada fio de nylon, todas perto uma das outras com comprimento parecido em cada fio. Gostei mais desta montagem, porque conforme se mexem pelo vento, ou pelas mãos, outras estrelinhas vão aparecendo.


Esta  foto acima é da vista que a Stella tem, deitada no trocador de fralda.
E, na foto abaixo, o móbile à noite, iluminado por luzinhas indiretas.



Na foto abaixo aparece parte do trocador, que será motivo de novo post. mais adiante.


Nenhum comentário: