segunda-feira, novembro 11, 2019

Para "aninhar" a Vitória.


É aqui que se "aninha" a Vitória.

 Apesar de ter feito várias maneiras de acomodar o bebê no berço, como almofadinhas e rolinhos, ainda não tinha criado nenhum "ninho". E foi um ninho que que pediu a Renata, mamãe da minha netinha Vitória. Depois de procurar alguns modelos na internet, adaptei uma coisa e outra e acabei fazendo o meu ninho.


Não que tenha grande diferença, apenas pequenas adaptações - pelo menos os que eu vi, são muito semelhantes. Uma das coisas que fiz, foi colocar um zíper na parte  inferior do ninho, para encaixar um colchãozinho que pode ser retirado para lavar a peça.


Usando as mesmas cores de outras  que fiz , para o quarto da Vitória, como o babyquilt e a almofada com nome, o ninho também tem estampas nas cores verdinho e lilás. De um lado, xadrezinho em tons de lilás, e de outro uma estampa de patchwork nestas cores. Pode  ser usado dos dois lados, como mostram as fotos abaixo, com a peça aberta.



As duas "perninhas" são aproximadas com esta fita, que vai sendo afrouxada conforme o bebê cresce, aumentando o tamanho do ninho. Simples, relativamente rápido de ser feito, o ninho proporciona o aconchego que o bebê precisa, depois de ficar tantos meses crescendo na barriga da mamãe.


Por enquanto a Vitória ainda cabe no seu ninho. Nasceu pequena, mas está rapidamente recuperando. As bochechas são gorduchas, as roupinhas lá dos primeiros dias já não servem, cresce como deve crescer um bebê saudável. Uma fofura! 😍